Segunda-feira, 10 de Março de 2008

Dia da Mulher/Dia da Educação.

O dia 08/03/2008 vai ficar na memória como o dia da maior manifestação de sempre de professores em Portugal. Professoras e professores uniram-se para protestar contra as políticas da tutela… E uniram-se no dia Internacional da Mulher. 

A Mulher sempre foi um símbolo de inteligência, pragmatismo e bom senso…. Reservar-lhe um dia no calendário anual é pouco…..mas é bem melhor do que passar esquecida.

Mulher e Educação são dois termos que se entrecruzam. Nas sociedades ocidentais com a partida dos maridos para longe, em conquistas militares, ou à procura do sustento económico eram as mulheres que se encarregavam de ensinar as novas gerações.

Da educação fazia parte um conjunto de rituais específicos e visando a integração social de cada jovem em questão.

Com o advento da entrada da mulher no sistema fabril as tarefas da educação foram atribuídas à escola. Mas esta tal como recentemente referiu Alvin Toffler mais não tem sido  do que uma fabrica de produzir novos operários.

Metidos em linhas de montagem e na qual cada professor vinha apertar mais um e outro parafuso tal e qual em “Os tempos Modernos de Charlie Chaplin”, aos alunos e professores pouco mais restava do que cada um cumprir o melhor possível a sua adaptação ao sistema. No final o aluno que melhor se adaptasse tinha probabilidade de ser contratado para gerir outras fábricas enquanto aos mais inadaptados pouco mais restava do que servir de mão-de-obra barata.

Visto desta forma percebe-se facilmente os traumas do sistema com as reprovações dos alunos, mais tarde entravam no tecido produtivo e os traumas dos professores com a avaliação dado que a capacidade de adaptação do aluno ao sistema não é só da sua responsabilidade. Ninguém tratou de perguntar aos alunos o que queriam aprender, nem tão pouco tratou de lhe explicar para o que servia determinado conteúdo. O apertador de parafusos, em que se tornou o professor, que tratasse de o fazer se pretendesse que o aluno cumprisse com êxito o que lhe propunha. E o sistema de ensino lá ia rolando…..uns solavancos, aqui, outros ali…umas afinações e tudo quase sempre na mesma.

Só que entretanto a sociedade modificou-se. Os alunos desmotivaram-se, muitos adivinhavam que no final da linha de montagem não havia lugar para sí e desinteressavam-se. Os decisores trataram de informar os professores que era importante não descurar esses potenciais operários e que se não levassem todas as peças ao menos que chegassem ao fim. E os professores deixaram de perceber qual era o seu papel.

E ontem viu-se que todo o sistema está errado.  Os professores/operários não se reconhecem no papel atribuído pelo sistema. A sociedade não confia no sistema de ensino. E os decisores titubeiam tentando concertar o que está morto.

Entretanto surgem sinais de que em outras sociedades é bem diferente. Neste fim-de-semana um jornal de grande expansão perguntava em manchete”O que faz os Finlandeses tão espertos?” E a resposta estava lá….Um sistema em que os alunos e a sociedade sabem para que servem os conteúdos disciplinares. Em que mais do que o conceito de turma é o conceito de aluno. Em que este é agente da sua aprendizagem e em que o stress da aprendizagem parece não existir.

È precisamente isto que eu defendo. A promoção do individualismo no ensino, no qual cada aluno procuraria os ateliê que lhe interessavam de modo a cumprir o seu plano de aprendizagem. Um sistema no qual o aluno era o actor principal e aos professores competia auxiliar os alunos neste mesmo percurso. 

Mas esta revolução no ensino tem de partir de cima. Tem de ser o governo a mobilizar a sociedade para a importância da aprendizagem. Mais do que atribuir diplomas importa desenvolver competências de modo a que cada um se reveja como um cidadão valorizado pelo tempo que investiu em si mesmo.

É apenas uma pequena reflexão….mas creio que valeu a pena expô-la….

Já agora e ainda a propósito do Dia Internacional da Mulher deixo aqui um beijo e uma palavra de carinho a todas as mulheres portuguesas.....

publicado por dom.bacelar às 09:07

link do post | comentar | favorito
|
5 comentários:
De Filipa a 10 de Março de 2008 às 14:35
Concordo com a tua forma de ver as coisas. É de facto necessário mudar, mas tb é preciso tempo e é preciso pensar numa mudança "com pés e cabeça". A "tua" escola seria a ideal, mas parece-me que estamos longe de a atingir... Como mulher portuguesa agradeço o teu carinho...
E como mtas vezes te disse, não existem mesmo pessoas como tu! Bjinhos
De Mar a 26 de Abril de 2008 às 18:24
`´E a 1º vez que visito o teu blog. Gostei do que li e concordo contigo. Sou professora e gostaria que mt coisa mudasse...
De Mar a 26 de Abril de 2008 às 18:26
" Eu toco no futuro...eu ensino"
De António Bastos a 1 de Julho de 2008 às 13:49
Só para deixar uma dica:

O CLCC, em Portimão, vai arrancar com 3 cursos EFA, totalmente gratuitos e financiados.

Destina-se a pessoas com idade igual ou superior a 18 anos e que ainda não possuam o 9º ano.

Consultem mais detalhes em:
http://clcc.pt//index.php?option=com_content&task=view&id=446
De Patrícia a 3 de Julho de 2008 às 01:11
"...tentando consertar o que está morto..."

Comentar post

."O homem não é nada além daquilo que a educação faz dele." Immanuel Kant

.pesquisar

 

.Recurso a analogias

.Cuidados no uso de analogias

.posts recentes

. Os Chats - uma ferramenta...

. Analogias nas aulas de Ci...

. Google Docs - Partilhar é...

. Sensores Digitais na Educ...

. As Ideias fazem a Europa ...

. Dia da Mulher/Dia da Educ...

. Atribulações e portáteis

. Memórias holográficas: A ...

. Blogs Educativos

. O vídeo: um instrumento d...

. Webquest-Uma janela para ...

. As TIC e as Pessoas Espec...

. Biodiversidade e Homer Si...

. Bill Gates - Tecnologia &...

. O Vídeo como estratégia m...

. Como Inserir os Blogs na ...

. A avaliação como um proce...

. Google - dicas para uma p...

. O papel da Educação na pr...

. A mais bela Metáfora - "A...

.links

.arquivos

. Junho 2010

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Março 2009

. Março 2008

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

Estou no Blog.com.pt

.Veja esta página em Inglês

.tags

. todas as tags

.Cuidados no uso de analogias

blogs SAPO

.subscrever feeds